Caixa concedeu crédito a municípios e Estados com garantias proibidas por lei

BRASIL, 01 de Fev de 2018 - Vista 23 vezes.

Segundo apurou o Estadão/Broadcast, a Caixa fez uma interpretação "elástica" e "incorreta" do artigo da Constituição, como se o banco fosse a própria União.

Twitter: @ItapebiAcontece





A Caixa concedeu empréstimos a Estados e municípios recebendo receitas tributárias como garantia, o que é proibido pela Constituição. Foi a descoberta dessas operações que levou o Conselho de Administração do banco a suspender, na semana passada, a concessão de todos os financiamentos, sem a garantia da União, a prefeitos e governadores.

O artigo 167 da Constituição veda a vinculação de receitas futuras com impostos (como IPTU, por exemplo) a financiamentos bancários. O mesmo vale para os fundos de participação dos Estados (FPE) e dos municípios (FPM) - que são transferências feitas pela União ao dividir a arrecadação de impostos federais com os demais entes federativos.

A única exceção é quando o empréstimo tem aval do Tesouro Nacional. Nesse caso, municípios e Estados podem colocar as receitas tributárias ou com os fundos de participação como "contragarantia" – ou seja, se o empréstimo não for honrado, a União paga ao banco, mas fica com as receitas tributárias. Por isso, o conselho da Caixa suspendeu apenas as operações que não tinham esse respaldo.
O colegiado, presidido pela secretária do Tesouro Nacional, Ana Paula Vescovi, pediu um relatório de todas as operações e depois decidiu suspendê-las temporariamente.
Segundo apurou o Estadão/Broadcast, a Caixa fez uma interpretação "elástica" e "incorreta" do artigo da Constituição, como se o banco fosse a própria União. Recentemente, a Caixa informou que, em 2017, emprestou R$ 3,4 bilhões para prefeitos e governadores, a maior parte sem aval da União. Para os municípios, foram liberados créditos de R$ 1,3 bilhão sem garantias federais.

Aos Estados, a Caixa informou que concedeu R$ 2,12 bilhões para Piauí, Pernambuco, Pará e Goiás e que duas dessas operações não tinham aval do Tesouro – mas não informou quais eram. A área técnica do Tribunal de Contas da União (TCU) considera que é preciso abrir o mais rápido possível uma auditoria para apurar as operações da Caixa, agravadas com a descoberta dos empréstimos com garantias irregulares. Mas a investigação depende de autorização oficial dos ministros do Tribunal ou de uma representação do Ministério Público (MP). Procurada, a Caixa informou que "está reavaliando o tema e deverá encaminhar em breve parecer ao conselho de administração para decisão quanto à revisão dos procedimentos, caso necessário".

O Banco Central, órgão regulador do sistema financeiro, disse que não é sua atribuição apurar e que não se manifesta sobre instituições específicas. Embora o assunto se refira à solvência do sistema financeiro – por se tratar de empréstimos bancários lastreados em garantias legalmente frágeis – o BC se limitou a dizer que o tema "era orçamentário e que, portanto não se enquadra nas suas atribuições legais". A suspensão dos financiamentos provocou uma crise no governo.

Aliados políticos criticaram a decisão, ameaçando boicotar a votação da reforma da Previdência. Apesar disso, o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, defendeu a suspensão. Na terça-feira, em Goiânia, em resposta a um questionamento sobre se a decisão poderia causar algum dano à votação no Congresso, declarou: "Espero que não. O que se fez nesse caso foi simplesmente seguir a lei. A jurisprudência é que decidiu que o tipo de garantia que estava se considerando pelas administrações anteriores para os municípios não deveria valer como garantia para a Caixa. É uma questão jurídica pura e simples". Nesta quarta-feira (31), em São Paulo, o ministro voltou ao assunto: "A Caixa está cada vez mais seguindo a lei", disse.


ItapebiAcontece As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Compartilhar

COMENTÁRIOS

Nenhum registro encontrado.




*Nota: O depoimento e comentário aqui postados são de inteira responsabilidade dos emitentes. Cabendo ainda os responsáveis pelo Site Itapebiacontece moderar as postagens.*

NOTÍCIAS

Mais de 10 aeroportos estão sem combustível em todo o Brasil

Segundo a Infraero, o aeroporto JK, em Brasília, recebeu caminhões de combustível durante o sábado, mas os níveis continuam críticos.

BRASIL, 27 de Mai de 2018

Perdas com protestos de caminhoneiros superam R$ 10 bi em cinco dias

Só na quinta (24), as empresas aéreas brasileiras perderam R$ 50 milhões, segundo a Abear (que representa as grandes companhias do país).

BRASIL, 27 de Mai de 2018

Protestos de caminhoneiros entram no 6º dia na BA com interdições em rodovias federais

Diversas estradas estaduais e federais estão parcialmente interditadas. Mobilização nacional é contra a alta do preço do diesel.

BRASIL, 26 de Mai de 2018

Itapebi: Greve dos caminhoneiros entra no 6º dia; falta combustível e Legumes na feira

Com a greve dos caminhoneiros em todo o Brasil, o abastecimento dos tanques dos postos de combustíveis de Itapebi está paralisado desde terça-feira e neste sábado já...

REGIÃO, 26 de Mai de 2018

Pastor é condenado por estuprar amiga das filhas durante três anos

Mãe e a menina congregavam na igreja em que o homem pregava

BRASIL, 25 de Mai de 2018

Líder sindical acha que Temer 'piorou a situação' ao convocar Exército

Presidente solicitou ainda que os governadores que tomem a mesma medida para liberar estradas bloqueadas por caminhoneiros.

BRASIL, 25 de Mai de 2018

Canavieiras: Deputado Robinho apresentou moção e relembrou as origens da localidade

O parlamentar informa que a localidade tem suas origens a partir do território desmembrado de Ilhéus, com o nome de Imperial Vila de Canavieiras.

POLÍTICA, 25 de Mai de 2018

Conta de luz será mais cara em junho com bandeira vermelha

Aneel anunciou tarifa no patamar 2 – o mais alto

OUTRAS NOTICIAS, 25 de Mai de 2018

Governo pode usar Exército para liberar estradas

A medida, considerada extrema e indesejada, já vinha sendo avaliada pela área de inteligência e segurança do governo

BRASIL, 25 de Mai de 2018

Guaratinga: Pedaço de pedra se desprende do alto e provoca prejuízos na zona rural

O fato aconteceu no inicio da tarde desta quinta-feira (24), na propriedade rural do agricultor conhecido por “Adiney”, no município de Guaratinga.

REGIÃO, 25 de Mai de 2018

FALE CONOSCO

WhatsApp: (73) 8171-4770 Tel:(73) 8879-9975

Sem enquetes cadastradas

VÍDEOS

CANÔA SUISSA II
POSTADO: 09-12-2013 12:12

NOTAS SOCIAIS

  • Aniversariando!

    É festa no olhar de todas as pessoas que têm um abraço para lhe ofertar, e uma palavra de carinho para lhe dedicar. Você merece, e os homenageados de hoje somos todos nós que temos a sua amizade. Aniversaria nesta quinta-feira (24) Joana Francisca Garcia, (Sussú). Sussú é servidora pública lotada na secretaria de saúde de Itapebi e trabalha na recepção do Posto de Saúde da Família (PSF) Joathan Cardoso Ribeiro na cidade...


    Ver todas as notas
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • 9
  • 10
  • ...
  • 1021