Um mês após tragédia, vítimas de desabamento vivem sob indefinição

BRASIL, 01 de Jun de 2018 - Vista 13 vezes.

Acampamento no largo do Paissandu é formado por ex-moradores que se recusam a ir para abrigos e exigem serem contemplados com uma moradia

Twitter: @ItapebiAcontece

Imagem: Reprodução



Um mês após o incêndio e desabamento de um prédio invadido por sem-teto no centro de São Paulo, cerca de 30 famílias desalojadas pela tragédia continuam acampadas a poucos metros do local e sem perspectiva de definição sobre os seus destinos. 

O acampamento no largo do Paissandu é formado por ex-moradores que se recusam a ir para abrigos oferecidos pela prefeitura e que exigem serem contemplados com uma moradia. Eles afirmam que o auxílio-moradia, oferecido por estado e prefeitura e com parcelas mensais de R$ 400, é apenas um paliativo e não resolve o problema de não ter uma moradia fixa.  
 

O desabamento deixou ao menos sete mortos e 455 pessoas desabrigadas. Segundo a prefeitura, a maior parte das vítimas foi encaminhada para abrigos ou seguiu para casas de parentes e outras ocupações. 
 

De acordo com a prefeitura, equipes de assistência social convidam insistentemente as famílias restantes no largo do Paissandu para irem aos abrigos e que a maior delas não morava no prédio mas acabou atraída pelas doações às vítimas. O auxílio-moradia está sendo pago a 144 pessoas.
 

A primeira reação da prefeitura à formação do acampamento veio uma semana após o desabamento. Ofício enviado ao Ministério Público exigia providências urgentes para remover as famílias de lá. O documento citava a situação insalubre de sobrevivência a que as crianças estavam submetidas, diante da fumaça tóxica que ainda vinha dos escombros. 

 

A Promotoria, porém, respondeu apenas na semana passada, ao exigir da prefeitura um parecer detalhado da situação de cada família no acampamento para agilizar a tomada de providências. A prefeitura afirma que já atendeu ao pedido. Criou-se, então, um impasse diante da responsabilidade sobre o destino das famílias. 
 

Enquanto isso, a rotina das famílias que se recusam a sair da praça continua precária. As crianças dormem em barracas e não há banheiros próximos. Nos últimos dias, a situação se agravou. Com a queda da temperatura, a coordenação do acampamento tem reforçado os pedidos de doação de remédios para gripe, já que há muitas pessoas doentes. Moradores reclamaram, ainda, de sarna.
 

Além disso, as doações de comida, água e itens de higiene que chegavam aos montes têm sido cada vez mais escassas. Os voluntários têm tido dificuldade de ajudá-los devido à crise do abastecimento em todo país deflagrada pela paralisação dos caminhoneiros.  "Estamos abandonados. Não tem ajuda com higiene pessoal, precisamos disso também. Vivemos de doações", afirma a auxiliar de limpeza Vera Lúcia Arcangelo dos Santos, que mandou os sete filhos para viver com a irmã, enquanto a situação dela não se define.
 

O corretor de móveis Marco Antônio Celindo, 54, afirmou que as crianças não conseguiam mais tomar banho no Sesc 24 de Maio, a poucas ruas dali. "Eles ajudaram esses dias. Mas a partir de hoje [ontem], as crianças não podem mais usar o banheiro lá. Nós adultos ainda nos viramos, mas os menores sofrem mais." 
 

Em relação ao prédio, os escombros já foram retirados e resta interditado apenas um dos seis prédios vizinhos que ofereciam risco. 
 

Projetado na década de 1960, o edifício Wilton Paes de Almeida foi considerado marco de avanço na arquitetura de São Paulo e do país tanto por sua "pele de vidro", em referência a sua fachada, como por suas novidades tecnológicas e estruturais. Inaugurado em 1966, o edifício de 24 andares e cerca de 11 mil metros quadrados foi encomendado pelo empresário Sebastião Paes de Almeida (1912-1975) para ser sede de uma empresa do setor de vidros, o que acabou não acontecendo.
 

Nos anos 1980, a construção passou para a União, que transformou o local na sede da Polícia Federal por 23 anos e, até 2009, numa agência do INSS.  Atualmente o edifício era propriedade do governo federal e passou por diversas tentativas de revitalização. Desde 2017, a Prefeitura de São Paulo e a União negociavam a instalação da secretaria paulistana de Educação no imóvel. Por isso, desde o ano passado, o prédio estava cedido à prefeitura.



ItapebiAcontece com informações da Folhapress.

Compartilhar

COMENTÁRIOS

Nenhum registro encontrado.




*Nota: O depoimento e comentário aqui postados são de inteira responsabilidade dos emitentes. Cabendo ainda os responsáveis pelo Site Itapebiacontece moderar as postagens.*

NOTÍCIAS

Vaqueiro se passava por policial para estuprar mulheres na Bahia

Suspeito é procurado pela polícia

BAHIA, 19 de Out de 2018

Professor é morto a facadas em fazenda no sul da Bahia

Crime aconteceu no Distrito de Monte Azul, localizado em Jucuruçu. Não há informações de suspeitos ou motivação do crime.

REGIÃO, 19 de Out de 2018

No Sul Baiano Mulher é morta a tiros dentro de casa

Segundo polícia, vítima tinha 30 anos e foi identificada como Nayara Monteiro Mobley Scolfield Souza.Crime ocorreu no centro da cidade de Caravelas.

REGIÃO, 18 de Out de 2018

Dois delegados e cinco agentes da Polícia Civil são presos no Rio

Investigação usou interceptação de conversas telefônicas autorizadas pela Justiça, análise de dados, colaboração premiada, infiltração e diligências de campo

POLÍCIA, 18 de Out de 2018

Cruzeiro é campeão da Copa do Brasil 2018

Em um jogo marcado por polêmicas com o árbitro de vídeo (VAR), a Raposa venceu o Corinthians por 2 a 1, em plena Arena, e garantiu a taça.

ESPORTES, 18 de Out de 2018

Psicólogo especialista em ideação suicida ministra palestra em Itapebi

Apoio do Secretário de Saúde, Sérgio Murilo e da Secretária de Assistência Social Jairene Botelho. ( Fotos: Arnaldo Alves / ItapebiAcontece)

ITAPEBI, 17 de Out de 2018

Congresso derruba veto ao aumento do piso salarial de agentes comunitários de saúde

Senadores e deputados que usaram a palavra durante a votação da matéria defenderam a derrubada do veto.

BRASIL, 17 de Out de 2018

Bahia tem 81 cidades com risco de epidemia de dengue

Dos municípios com alto índice de infestação, 58 estão em emergência por seca ou estiagem

BAHIA, 17 de Out de 2018

Provas contra Temer vão de delações a dados bancários e laudos, diz PF

A Polícia Federal também pediu a Barroso o bloqueio de bens de todos os indiciados – inclusive de Temer

BRASIL, 17 de Out de 2018

Morre em São Paulo o Jornalista Gil Gomes

Gil Gomes começou sua carreira no rádio e fez muito sucesso nos anos 1990 no extinto jornal policial Aqui Agora, do SBT.

FAMOSOS, 16 de Out de 2018

FALE CONOSCO

WhatsApp: (73) 8171-4770 Tel:(73) 8879-9975

Sem enquetes cadastradas

VÍDEOS

CANÔA SUISSA II
POSTADO: 09-12-2013 12:12

NOTAS SOCIAIS

  • Parabéns pelos seus 85 anos “Teimoso”

    Hoje é um dos dias mais importantes da sua vida Ronaldo Teodoro. Você celebra oitenta e cinco anos de existência e isso é algo que merece uma grande celebração. Tenha um aniversário mágico e cheio de alegria! Teimoso como é conhecido é um dos mais antigos pescadores do Rio Jequitinhonha e tio da mais famosa quituteira/doceira itapebiense, “Jane de Nonô”. “Você é um ser humano maravilhoso que tem sempre uma palavra sábia no momento...


    Ver todas as notas
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • 9
  • 10
  • ...
  • 1070