ITAPEBI; BARREIRAS SANITÁRIAS SÃO COLOCADAS NAS ENTRADAS DA CIDADE PARA CONTER PROPAGAÇÃO DO NOVO CORONAVÍRUS

PANDEMIA
25 de Março de 2020 14h03

Funcionários da vigilância sanitária, saúde pública e polícia militar fazem vistorias em todos os veículos que entram na cidade de Itapebi.

Twitter: @ItapebiAcontece

 

 Prefeitura Municipal de Itapebi, no extremo sul baiano, determinou barreiras sanitárias nas entradas do município como forma de prevenir a transmissão e propagação do novo coronavírus.

As barreiras em Itapebi, a 584 km de Salvador, foi estabelecida nesta quarta-feira (25). Servidores da vigilância sanitária, saúde pública e polícia militar fazem vistorias em todos os veículos que entram na cidade.

De acordo com o secretário de Saúde do município, Sérgio Murilo, todos que entram em Itapebi estão sendo entrevistados. Eles respondem de onde vem e se tem conhecimento se há casos suspeitos na família.

"Caso chegue de algum local com casos confirmados de Covid-19, a pessoa será registrada no sistema e monitorada pela equipe da Secretaria de Saúde Municipal por 14 dias. Durante esse período, a equipe vai estar em contato com essa pessoa para saber como está o quadro de saúde dela", explica.

 

 

A medida, segundo Murilo, deve ajudar a restringir a chegada do vírus na cidade.

 O prefeito Juarez da Silva Oliveira “PEBA” por telefone explicou a reportagem do ItapebiAcontece que a medida serve, principalmente para aquelas pessoas que saíram do município, foram para área de risco e voltaram. "Essa barreira sanitária é justamente para monitorar e evitar a propagação da doença," afirma.

As medidas valem por tempo indeterminado. De acordo com o prefeito de Itapebi, “PEBA”, as equipes estarão nessas barreiras monitorando todos que entrarem na cidade.

Ação da Prefeitura Municipal com parcerias de servidores públicos de todas as secretarias e da Polícia Militar.

As duas entradas da cidade estão postos de controle de entrada de veículos.

 

 

Veja integra da Nota da Vigilância Sanitária

Os moradores itapebiense que chegam de outros municípios precisam assinar notificação de isolamento, 7 dias pra assintomáticos e 14 dias caso manifeste sintomas como febre, tosse, coriza, dificuldade para respirar. Essas pessoas precisarão ficar em isolamento total, sem contato com a comunidade e nem com os familiares.

Os caminhões de entrega de produtos que não sejam alimentos estão proibidos de entrar na cidade, inclusive mascates e representantes comerciais que visitem estabelecimentos.

Só está sendo permitidas a entradas para entrega de alimentos, bebidas, gás, ração de animais e produtos do gênero.

 

Arnaldo Alves / ItapebiAcontece – Com informações da Vigilância Sanitária

Compartilhe por:

Envie um comentário:

*Nota: O depoimento e comentário aqui postados são de inteira responsabilidade dos emitentes. Cabendo ainda os responsáveis pelo Site Itapebiacontece moderar as postagens.*

Comentários

05 de Abril de 2020 20h04

91 cidades baianas oferecem alto risco de propagar novos casos da doença, diz estudo

Salvador, Feiras de Santana, Alagoinhas, Barreiras, Ilhéus, Itabuna e Vitória da Conquista aparecem na lista como potenciais vetores

05 de Abril de 2020 13h04

Bahia registra 401 casos confirmações do novo coronavírus

Até o momento, 1914 casos foram descartados e houve nove óbitos, sendo sete de residentes em Salvador, um em Utinga e outro em Itapetinga. Este número contabiliza todos os registros de janeiro até as 12 horas de hoje.

04 de Abril de 2020 18h04

COM APOIO DE JÂNIO NATAL, ASSEMBLEIA APROVA MAIS DOIS PROJETOS CONTRA O CORONAVÍRUS

A isenção vale pelo período de 90 dias e garante, aos mais humildes, a água necessária à higiene, que protege contra o vírus.