Palmeiras vence Botafogo de goleada e assume liderança isolada do Brasileirão

Esportes
10 de Junho de 2022 09h06

Em noite quase perfeita, Gustavo Scarpa liderou o Verdão, balançou as redes e ainda deu duas assistências para Rony —tinha dado uma quarta, mas Luan estava impedido no lance em que resvalou na bola cabeceada por Murilo.

Twitter: @ItapebiAcontece

Imagens: Reprodução

Antes dos 20 minutos do primeiro tempo, o placar mostrava 3 a 0, e o jogo já estava resolvido. Foi com muita facilidade que o Palmeiras, agora líder isolado do Campeonato Brasileiro, goleou o Botafogo e foi a 19 pontos, um a mais que o segundo colocado Corinthians. No segundo tempo, o Verdão ainda fez mais um: 4 a 0, placar final no Allianz Parque

Em noite quase perfeita, Gustavo Scarpa liderou o Verdão, balançou as redes e ainda deu duas assistências para Rony —tinha dado uma quarta, mas Luan estava impedido no lance em que resvalou na bola cabeceada por Murilo. Com 12 pontos, o Botafogo perigosamente ronda a zona de rebaixamento — o Cuiabá, 17º, tem 11. Na próxima rodada, o Alviverde visita o Coritiba, domingo (12). O Botafogo recebe o Avaí, no dia seguinte.

 Quem foi bem: Scarpa mandou na partida

Mais uma vez solto pelo meio, cuidando da criação, Gustavo Scarpa foi o nome do jogo. Distribui passes, assistências, e ainda guardou o seu. Atuação de gala. O time não sentiu falta de Raphael Veiga.

 Quem foi mal: Luís Castro levou um baile

Muitos jogadores do Botafogo poderiam ter a honra de receber o prêmio de pior em campo, mas o troféu tem mesmo que ir para o técnico do Glorioso. Ele começou o jogo levando um baile e nada conseguiu fazer para que o panorama se alterasse.

O jogo do Palmeiras: Um atropelamento

É comum que se diga que o Palmeiras enfrenta facilidades quando passa por cima dos adversários, seja no Brasileiro, seja na Libertadores. Talvez fosse o caso de se avaliar se não é o Palmeiras que faz o jogo ficar fácil. Foi assim contra o Botafogo nesta quinta-feira. Uma partida quase perfeita.

 O jogo do Botafogo: Perdido e desconjuntado

O time do norte-americano John Textor não fez frente ao Palmeiras. Abel Ferreira não deu brechas para o Botafogo atacar, tampouco respiro para que o time carioca se armasse. Chamou a atenção, em especial, a facilidade com que o Palmeiras ganhava as bolas pelo alto.

Cronologia do jogo

O Palmeiras começou o jogo em altíssima velocidade. Aos 5', Murilo abriu o placar com cabeceada, após escanteio de Scarpa. Mas a bola resvalou nas costas de Luan, que estava avançado. Aos 10', veio o gol que valeu, com Dudu lançando Scarpa, que cruzou com perfeição para o chute de Rony.

 Aos 17', foi o próprio Scarpa quem balançou a rede: Piquerez cruzou na direção de Rony, que entrava na área em velocidade. A bola passou pelo camisa 10, mas encontrou Scarpa dentro da área. Ele dominou, e mesmo sem muito ângulo, bateu de esquerda por baixo de Gatito: 2 a 0. Aos 33', Scarpa, em noite perfeita, bateu mais um escanteio e colocou na cabeça de Rony, livre, na primeira trave. Ele nem subiu muito para cabecear longe do alcance de Gatito e decretar 3 a 0. O Palmeiras chegou com perigo, mas mais administrou a partida do que machucou o Botafogo. Aos 42' da segunda etapa, porém, Wesley fez um golaço: foram oito pedaladas e dois cortes antes de mandar a bola no ângulo de Gatito.

Gol anulado aos 5 minutos, mas outro confirmado aos 10'

 O Palmeiras não tardou em abrir o placar. Rony chegou bem, e o Palmeiras teve escanteio. Com a perfeição de sempre, Scarpa colocou a bola na cabeça de Murilo, que subiu alto e cabeceou, aos 5 minutos. Mas a bola pegou nas costas de Luan, que estava ligeiramente avançado. O Palmeiras não se abalou com a anulação, e Rony abriu o placar de vez aos 10', após boa jogada de Dudu, que lançou Scarpa. O cruzamento veio perfeito no pé de Rony, que bateu forte, da risca da pequena área.

Scarpa amplia após mais uma chegada em velocidade.

 O cronômetro nem havia apontado 20' do primeiro tempo, e o Botafogo já parecia nocauteado. O Verdão já tinha balançado as redes três vezes, todas com participação de Scarpa: bateu o escanteio para o gol anulado de Murilo, cruzou para o gol de Rony e fez ele mesmo o 2 a 0, em chute cruzado de esquerda.

 Danilo e Weverton não sentiram fuso

 A dupla de selecionáveis do Palmeiras chegou ao Brasil no meio da tarde de quarta-feira, treinou à noite e foi para o jogo de hoje. E não deu a menor pinta de que havia passado por mais de 20 horas de avião. Em especial Weverton, que fez poucas, mas ótimas intervenções.

Wesley fez um golaço, aos 42'

Wesley foi muito preciso e fez um golaço, quando o placar já parecia definido. Foram nada menos que oito pedaladas para cima de Borges e dois cortes para mandar a bola no ângulo de Gatito e decretar o 4 a 0.

 

 FICHA TÉCNICA: PALMEIRAS 4 X 0 BOTAFOGO

Competição: Campeonato Brasileiro - Décima rodada

Local: Allianz Parque, em São Paulo (SP)

Dia: 9 de junho de 2022, quinta-feira

Horário: 19h (horário de Brasília)

Árbitro: Anderson Daronco (Fifa/RS)

Auxiliares: Rafael da Silva Alves (Fifa/RS) e Michael Stanislau (RS);

Cartões amarelos: Saravia (BOT); Piquerez (PAL)

Gols: Rony, do Palmeiras, aos 10'/1ºT; Gustavo Scarpa, do Palmeiras, aos 17'/1ºT; Rony, do Palmeiras, aos 32'/1ºT.; Wesley, do Palmeiras, aos 42'/ 2ºT

PALMEIRAS: Weverton; Marcos Rocha, Murilo, Luan, Piquerez; Danilo (Fabinho), Zé Rafael, Gustavo Scarpa (Atuesta); Gabriel Veron (Rafael Navarro), Rony (Wesley), Dudu (Breno Lopes) Técnico: Abel Ferreira

BOTAFOGO: Gatito Fernández; Saravia, Kanu, Victor Cuesta, Hugo; Luís Oyama (Del Piage), Tchê Tchê (Kayque), Lucas Fernandes (Chay); Daniel Borges, Vinícius Lopes, Victor Sá. Técnico: Luís Castro

 

ItapebiAcontece – Uol em São Paulo

Compartilhe por:

Envie um comentário:

*Nota: O depoimento e comentário aqui postados são de inteira responsabilidade dos emitentes. Cabendo ainda os responsáveis pelo Site Itapebiacontece moderar as postagens.*

Comentários

06 de Julho de 2022 17h07

Aumento de casos de Covid-19 já está acontecendo nos municípios da região das cidades que promoveram festejos Juninos no extremo sul baiano

Cidades como Itapebi, Itagimirim, Belmonte, Porto Seguro, Itabela circunvizinhas de Eunápolis aumentaram de forma acentuada os números de casos por contaminação pelo Covid-19.

06 de Julho de 2022 17h07

Gasolina terá queda de R$ 1,55 por litro com cortes de impostos, diz governo

Segundo o Ministério de Minas e Energia, na primeira semana de corte de impostos federais, a queda média foi de R$ 0,26 por litro

06 de Julho de 2022 16h07

Após 25 anos, Casagrande é demitido da Globo e desabafa: ‘Alívio’

“Vou seguir a minha estrada”